Adail Filho, prefeito de Coari, renuncia ao cargo

Foto: Reprodução

Na quarta-feira (18), cinco dias após as eleições municipais, o prefeito de Coari, Adail José Figueiredo Pinheiro (PP), renunciou ao cargo em uma carta ao presidente da Câmara Municipal em que pede que o parlamento declare extingo o mandato até dezembro deste ano.

Na carta, Adail afirmou que a decisão é devido a problemas de saúde que vem enfrentando ao longo do ano e que foram agravadas com a covid-19, que foi acometido recentemente.

Ele também afirma que o tratamento será feito fora do domicílio, o que o impede de exercer sua função até dezembro de 2020, mas que em 2021 ele retorna para o seu novo mandato, em 2021.

”Torna-se induvidoso o meu afastamento do cargo de prefeito do município de Coari pelo restante do ano de 2020, o que garantirá a retomada plena da minha saúde, condição indispensável para exercer o meu novo mandato outorgado pelo povo coariense, cujo início se dará em 1° de janeiro de 2021”, diz a carta.

Adail Filho foi reeleito no último domingo (15) a prefeito de Coari com 59,45% dos votos.

Leia a carta na íntegra:

Por Portal Manaus Alerta