Cidades

Águas de Manaus adota novos procedimentos para agilizar serviços emergenciais nas ruas da cidade

Foto: Divulgação

A Águas de Manaus está modernizando os procedimentos utilizados nos serviços que realiza nas ruas da cidade. Com o uso de novos equipamentos na finalização de manutenções, a empresa está concluindo as obras e liberando as vias com maior rapidez.

Um outro benefício que o novo método proporciona é a redução do uso de bags (sacolas grandes com terra e entulho) nos trabalhos. “Passamos a deslocar para o local da manutenção todo equipamento e material necessário para iniciar e finalizar o serviço no mesmo dia. Por isso, o uso de bags será cada vez menor. Todos ganham com isso. O serviço fica mais ágil e a obra gera um impacto menor para a população”, explica o gerente do setor de Serviços da Águas de Manaus, Felipe Poli.

Para que o avanço na execução dos serviços fosse possível, a concessionária adquiriu novos equipamentos como caminhões CB, retroescavadeiras, máquinas cortadoras de asfalto e compactadores de solo. Com a modernização, até mesmo os serviços de média e grande complexidade serão realizados em menor tempo. “Quando chegamos no local para realizar uma correção de vazamento, as novas máquinas conseguem realizar a escavação de maneira mais rápida e todo material retirado do solo é colocado direto nos novos caminhões. Esse mesmo material será reutilizado no reaterro, logo após a conclusão da manutenção”, reforçou Poli.

Tempo otimizado

A empresa continua atuando para realizar serviços como reaterros, asfaltamento e correção de vazamentos diariamente nas ruas da cidade. “Queremos avançar para dar soluções aos problemas emergenciais que acontecem nas tubulações da cidade, trabalhando de maneira ágil e deixando tudo arrumado após sair do local”, concluiu Poli. Outra preocupação da concessionária é trabalhar em parceria com a Secretaria de Obras e Infraestrutura da Prefeitura de Manaus (Seminf), comunicando os locais que necessitam de intervenção e garantindo que o recapeamento seja feito sem afetar a qualidade das vias.

Com informações da assessoria