Amazonino homenageia e manifesta respeito e reconhecimento aos professores

Foto: Arquivo Pessoal

O candidato a prefeito de Manaus pela Coligação Juntos Podemos Mais, Amazonino Mendes, manifestou, nesta quinta-feira (15), Dia do Professor, “respeito e reconhecimento” aos trabalhadores da educação. “O meu humilde e eterno respeito aos professores. Sem eles não há país, sociedade ou futuro”, afirmou, fazendo uma homenagem aos profissionais.

A capacitação e valorização dos docentes, disse ele, é uma preocupação constante em suas administrações e não será diferente, caso seja eleito prefeito de Manaus. No seu Plano de Governo está registrado o compromisso em promover o treinamento de professores e gestores, inclusive em técnicas de educação a distância, além de dotar as escolas de equipamentos tecnológicos para dinamizar o ensino nas unidades do município.

Um marco importante na área de educação, na gestão de Amazonino, foi a criação da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), que deu oportunidade aos professores de concluírem a graduação e pós-graduação. A UEA começou a funcionar em 2001 e, no mesmo ano, ingressariam os primeiros alunos do curso Normal Superior do Programa de Formação de Professores (Proformar).

“Através do Proformar, muitos professores tiveram a oportunidade de ingressar numa faculdade, concluindo o curso superior. Por meio da UEA, levamos o curso a todos os professores do interior do Amazonas. Isso melhorou a qualidade do ensino e foi fundamental para a carreira do professor”, destacou.

Para a professora aposentada Tereza Amorim, a UEA e o Proformar foram de primordial importância na sua carreira profissional. “Era muito difícil para nós, que éramos do interior, vir estudar na capital. Graças à UEA, concluímos o Curso Normal Superior, eu e meu esposo (já falecido). E por causa dessa graduação, tive uma valorização na minha cadeira de professora e pude me aposentar com um salário melhor. Sou grata ao governante da época, por todo o incentivo dado aos professores do Amazonas”, disse.

Em 2018, durante o quarto mandato como governador do Amazonas, Amazonino concedeu o maior reajuste dos últimos quatro governos aos profissionais da educação, de 27,02%. Manteve o plano de saúde para todos os servidores da área e aumentou o auxílio-alimentação de R$ 220 para R$ 420. O governo também devolveu aos servidores que atuam nas unidades administrativas o direito de receber o auxílio-alimentação, que havia sido retirado em 2016.

Amazonino instituiu também o Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos Docentes e pagou 14º e 15º salários aos professores.

Redes sociais

Amazonino concorre à Prefeitura de Manaus, tendo como candidato a vice o presidente estadual do PODEMOS, deputado Wilker Barreto. Para acompanhar o candidato nas redes sociais é só acessar: no Twitter (AmazoninoAM); no Facebook (AmazoninoAMendes); Instagram (amazoninomendes), YouTube (AmazoninoMendes) e pelo “Zap do Negão” (https://bit.ly/35DVMHM – 92.99304-1919).

Com informações da assessoria