Após 28 anos preso, ex-chefe de facção sai pela primeira vez para o Dia dos Pais

Foto: Wilson Dias

O traficante Márcio Cândido da Silva, conhecido como Porca Russa, vai visitar a família pela primeira vez desde 1992, quando foi condenado a 53 anos de prisão. Em regime semiaberto desde setembro de 2019, ele conseguiu o benefício do saidão do Dia dos Pais e poderá ir para casa neste domingo (9).

Segundo o jornal Extra, 1.660 presos do Rio vão sair das cadeias do estado para exercer o benefício. Para obter a autorização, o detento deve estar em regime semiaberto e precisa fazer uma solicitação formal ao juiz. Embora Porca Russa tenha conseguido progredir para o semiaberto em 2019, só teve a visita à família concedida em julho de 2020.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Portal Manaus Alerta