Após perder o filho para o câncer, homem cria dispositivo para salvar crianças com a doença

Foto: Divulgação

Após perder seu filho Lucas de 2 anos para o câncer, o engenheiro e empresário Joel de Oliveira Junior, 48, desenvolveu um dispositivo para ajudar a salvar a vida das crianças com a doença.

Morador de São José dos Campos, ele desenvolveu um dispositivo em formato de curativo que monitora on-line e envia alertas sobre o estado de saúde dos pacientes. O  recurso transmite aos médicos as informações necessárias a tempo de combater possíveis intercorrências, assim como evitar a evolução para quadros mais graves.

O dispositivo é equipado com sensores, bateria, antenas e circuitos, ele funciona colado no corpo da criança. Em princípio, a solução irá medir a temperatura e os batimentos cardíacos. Ele já está sendo preparado para ser testado gratuitamente em 100 crianças e adolescentes que passam por tratamento contra o câncer no hospital do GACC (Grupo de Assistência à Criança com Câncer), no Urbanova.

O local, que atende cerca 500 crianças com a doença, conta com uma central que realiza esse acompanhamento e recebe alertas quando os pacientes apresentam alteração na temperatura, o que pode indicar uma infecção. Assim que for validada nos testes, a etapa seguinte é aplicar em outros hospitais no Brasil e no mundo e solicitar a sua aprovação junto à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Portal Manaus Alerta