Esportes

Audiência sobre Maracanã acaba sem conclusão e com ‘invasão’ de Eurico

Redação..
Postado por Redação..

Clima esquentou quando o presidente do Vasco apareceu na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, sem ser convidado

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) promoveu nesta quinta-feira (27) uma audiência pública sobre o futuro do Maracanã, com a presença de Eduardo Bandeira de Mello e Pedro Abad, presidentes de Flamengo e Fluminense, respectivamente. A dupla Fla-Flu se entendeu e ouviu com atenção as explanações dos deputados, antes de se posicionarem sobre o assunto.

Entretanto, como pontuou o Globoesporte.com, o clima esquentou no momento que Eurico Miranda, presidente do Vasco, chegou ao local. O cartola cruzmaltino, que não havia sido convidado, atravessou a sala, de modo que interrompeu a fala de Bandeira de Melo. Quem também apareceu no local foi Carlos Eduardo Pereira, presidente do Botafogo. O nome deles não estavam na lista de convidados, mas eles resolveram ir até o local. Vale ressaltar que a audiência era pública.

Eurico também falou e se mostrou contrário a ideia de o estádio ser gerido por Flamengo ou Fluminense. “O que não pode é ter condições de permitir a mutreta, a sacanagem que aconteceu esse tempo todo. Gestão é outra coisa. Não pode ser um clube gerindo o Maracanã. Não tem condições. O Maracanã não pode ser dado a um clube. Os quatro clubes têm que ter tratamento isonômico. Claro que o Maracanã não é do Flamengo. É do povo! E o Vasco faz parte desse povo”, disse.

“Ética é obrigação no Flamengo”, retrucou o presidente rubro-negro.

A audiência terminou sem conclusão sobre o futuro do Maracanã. Ainda não se sabe se haverá uma nova licitação, mas uma nova audiência está marcada para o dia 9 de maio.

Fonte: Noticias ao minuto

Comentários

comentários


Deixe um comentário