Cidades Destaques

Bairro Monte das Oliveiras recebe nesta semana 1° Escola Estadual de Tempo Integral

A nova unidade educacional irá atender 480 alunos do Ensino Médio, com instalações modernas e equipamentos tecnológicos- foto: Valdo Leão
Redação
Postado por Redação

Moradores do bairro Monte das Oliveiras, na zona norte de Manaus, ganham nesta semana a primeira a Escola Estadual de Tempo Integral (EETI), que recebe o nome de Professora Lecita Fonseca Ramos. Com coordenação da Secretaria de Estado da Educação e Qualidade do Ensino (Seduc), a nova unidade educacional irá atender 480 alunos do Ensino Médio, com instalações modernas e equipamentos tecnológicos.

Localizada na Travessa Louro Chumbo, a escola foi construída num dos bairros mais populosos da capital, com mais de 40 mil habitantes (IBGE 2008). A chegada da escola de regime de tempo integral é comemorada pela comunidade.

Animados com o início das aulas, os alunos Pyter Gurgel (15) e Inara Amaral (16), 1º e 2º ano respectivamente, participaram de uma visita para conhecer as instalações da escola. “Nossa, eu adorei. Gostei muito do laboratório de ciências e da horta. Estou muito ansioso para começar a estudar”, comenta Pyter.

A inauguração da nova EETI vem para atender uma demanda da comunidade e firmar o compromisso do Governo do Amazonas com a educação. “Assim como saúde e infraestrutura, a educação é uma das prioridades do nosso Governo, queremos garantir a eficiência e a solução das questões relacionadas a educação nesse curto espaço de tempo que temos para trabalhar, visando o bem-estar do professor e a qualidade do ensino”, declara David Almeida, governador do Amazonas.

Nova EETI

O novo complexo pedagógico conta 12 salas, uma biblioteca, um auditório, dois laboratórios; um de informática e outro de ciências. Além das salas administrativa dos professores, diretora e pedagogos. Também conta com a sala da Associação de Pais, Mestres e Comunitários, uma inovação para aproximar ainda mais a comunidade da escola. E de um espaço para os Grupos Técnicos de Trabalho (GTs), que é uma iniciativa que visa fortalecer o processo de aprendizagem e consequentemente elevar os indicadores de qualidade da rede pública educacional.

A EETI também tem uma quadra coberta poliesportiva, um refeitório, um espaço para horta e um amplo espaço de convivência. O corpo docente é composto por 18 professores, seis coordenadores, uma pedagoga e uma secretária e a diretora.

Com informações da assessoria

Comentários

comentários

Deixe um comentário