Balanço da FVS-AM aponta redução em internações e estabilidade em óbitos por Covid-19

Foto: Divulgação/Secom

Em balanço apresentado em audiência pública virtual da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), nesta segunda-feira (21/9), a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) aponta que na semana epidemiológica 38 (de 13 a 19 de setembro) houve redução de 29,4% de internações por Covid-19 no Amazonas. O estudo também apontou, no mesmo período, redução de 63,1% no interior do Estado e de 1,3% em Manaus.

De acordo com os dados, apresentados pela diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto, os óbitos tendo o novo coronavírus como causa confirmada registraram estabilidade, com variação de 7,5% no Amazonas, na semana epidemiológica 38 (de 13 a 19 de setembro). Em Manaus a variação foi de -8%, enquanto no interior foi registrada variação de 33,3% (de 15 óbitos na semana 37 para 20 óbitos na semana 38).

Os municípios de Manaus, Parintins e Carauari concentram 57% dos óbitos ocorridos na semana 38.

“Hoje somos o oitavo em incidência de Covid-19. Em relação à mortalidade, que já estivemos em primeiro lugar, na semana passada estávamos em quarto e hoje estamos em quinto lugar. A letalidade tem se mantido em 3% desde julho, com pequenas variações”, observou Rosemary Pinto.

A Audiência Pública, transmitida ao vivo pelas redes sociais da deputada estadual Mayara Pinheiro, também contou com a participação do infectologista Marcus Lacerda, que integra a equipe da Fundação de Medicina Tropical Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) e ILMD/Fiocruz Amazônia; do titular da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), Marcellus Campêlo; além de representantes de órgãos públicos estaduais e municipais.

Média Móvel

O balanço aponta que a média móvel de casos, que mostra a variação dos últimos 14 dias, teve variação de -11,4% no interior, entre os dias cinco e 19 de setembro foi. No mesmo período foi registrado um aumento de 33,2% na capital.

“Dia 29 de abril nós registramos 647 casos por dia na média móvel de casos, em Manaus. Tivemos uma redução, hoje, 19 de setembro. Semana passada, nossa média móvel foi para 308 casos por dia, então no total nós tivemos uma variação de -52% na média móvel de casos por dia em Manaus”, apontou a diretora-presidente da FVS.

“Esses casos confirmados de Covid dependem muito da disponibilidade de testes rápidos. Quando nós temos disponibilidade de testes rápidos, os casos, que na verdade foram casos que ocorreram no pico da pandemia, e passam a ser detectados hoje, porque nós estamos trabalhando com a detecção de anticorpos, e não com a presença do vírus no organismo. Essa variação de casos é muito influenciada por essa disponibilidade”, acrescentou Rosemary Pinto, ao ressaltar a importância de manter as medidas de prevenção e controle do novo coronavírus, como o uso constante de máscaras em lugares públicos e privados, distanciamento social, utilização de álcool em gel e lavagem constante das mãos.

Com informações da assessoria