‘Bolsonaro é corresponsável pelas 100 mil mortes de covid-19’, diz Arthur Neto

Foto: Márcio James / Arquivo Semcom

O prefeito Arthur Neto (PSDB) atribuiu parte da responsabilidade pelos mais de 100 mil mortos por covid-19 no Brasil, ao presidente Jair Bolsonaro (sem  partido). Na opinião do político amazonense em entrevista para a coluna do jornalista Matheus Leitão, da revista Veja, faltou liderança na pandemia. O prefeito decretou em Manaus luto oficial de três dias, a partir de segunda-feira (10).

Arthur destaca que por trás dos números há o lado humano, de vidas que foram perdidas. “Cem mil mortes não é apenas um número – e alto número, registre-se – são vidas de pessoas que partiram de forma inesperada. São pais, mães, avós, filhos e filhas que não tiveram uma segunda chance contra esse vírus terríveis. É uma triste estatística que poderia ser evitada, se todas as medidas preventivas fossem tomadas desde o início, mas faltou liderança”, lamentou.

O prefeito também credita na responsabilidade do presidente Bolsonaro a falta de liderança durante a pandemia. “Quem deveria ser exemplo para a nação e guiá-la por um caminho seguro foi imprudente, insensato. É por isso que considero o presidente Bolsonaro corresponsável por essas mortes”, completou Arthur.

Portal Manaus Alerta