Economia

Brasil despenca em ranking da ONU e tem menor investimento em 20 anos

foto: © Edu Andrade/Ascom/ME

O Brasil caiu da 6ª posição para a 11ª entre principais destinos de investimentos no mundo, segundo ranking da Organização das Nações Unidas (ONU) divulgado nesta segunda-feira (21). Os fluxos de recursos externos despencaram 62% em 2020, de US$ 65 bilhões para US$ 25 bilhões, e voltaram aos patamares que o Brasil registrava há 20 anos.

Na média mundial, a queda foi de 35% e atingiu um total de US$ 1 trilhão. Nos países ricos, a contração chegou a 58%. A redução de investimentos no Brasil também destoou da média dos emergentes, que viram uma retração de apenas 8%.

Empresas brasileiras ainda encolheram no exterior e projeção é de que recuperação dos fluxos ocorra apenas em 2023.

Com o resultado, o Brasil perdeu a liderança latino-americana no ranking, assumida agora pelo México. O ranking global tem na primeira colocação os Estados Unidos, seguido por China, Hong Kong, Cingapura e Índia.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta