Cidades Destaques

Centro de Comando e Controle do Sistema de Segurança começa a operar em Parintins

As salas são ligadas ao CICC em Manaus, de onde se poderá acompanhar a movimentação- foto: Lindemberg Cavalcante
Redação
Postado por Redação

A partir desta sexta-feira (30) todo o Sistema de Segurança destacado para o Festival Folclórico de Parintins se volta para as ações de controle e reforço em áreas de interesse na cidade. Vinte pontos estratégicos serão monitorados por câmeras de Segurança, a partir de um Centro Integrado de Comando e Controle Local (CICC-L) instalado no Bumbódromo.

Além do CICC-L no Bumbódromo, o videomonitoramento será feito no Batalhão de Polícia Militar de Parintins, onde os operadores acompanham ocorrências e demandas de Segurança. As salas são ligadas ao CICC em Manaus, de onde se poderá acompanhar a movimentação.

Segundo o secretário executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada, coronel Dan Câmara, o sistema de monitoramento faz parte das ações que estão sendo realizadas em Parintins para garantir a segurança durante o Festival Folclórico 2017.

Este ano, o monitoramento também ganha reforço com o emprego de drones, que serão utilizados em áreas estratégicas. As imagens poderão ser usadas para identificação de ocorrências, pessoas e veículos.

Segurança reforçada

Parte do aparato técnico, viaturas e efetivo dos órgãos que compõem o Sistema de Segurança Pública estão nas ruas de Parintins para oferecer segurança aos moradores e turistas.

O Tenente Coronel Franclides Ribeiro, Comandante da Operação Parintins 2017 pela Polícia Militar, destacou que todas as modalidades de policiamento utilizadas pela Instituição serão rigorosamente aplicadas. “O reforço policial para o evento já está sendo aplicado. Além disso, o trabalho ostensivo, abrange todos os pontos da cidade que serão monitorados pela PM, desde a área fluvial até abordagens nos diversos setores de interesse da segurança pública na ilha”.

Órgãos Integrados

A Operação Parintins 2017 inclui as áreas de policiamento ostensivo, trânsito, polícia judiciária, defesa, socorro, prevenção e saúde. Na segurança, a operação segue o modelo de Sistema Integrado de Comando e Controle, e envolve Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, Polícias Civil e Militar, Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Corregedoria-Geral do Sistema e Ouvidoria.

Com informações da assessoria

Comentários

comentários

Deixe um comentário