Centro de Reabilitação Colônia Antônio Aleixo recebe próteses, órteses e calçados

Foto: Geizyara Brandão

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) iniciou a entrega de 100 pares de sapatos ortopédicos, além de oito próteses e quatro pares de órteses para pacientes atendidos pela rede estadual, nesta terça-feira (29/9), durante a comemoração dos 12 anos do Centro de Reabilitação Colônia Antônio Aleixo (CRCAA).

O CRCAA é referência no estado, no processo de reabilitação neurológica e conta com uma Oficina Ortopédica Fixa (OOF) para a fabricação das próteses, órteses e calçados ortopédicos para pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

O diretor da unidade, José César Carvalho, destacou a importância histórica da ação para o trabalho da unidade e falou sobre o serviço que é oferecido.

“É um marco inicial para que o tratamento integralizado seja concretizado às pessoas com deficiência, uma vez que o paciente inicialmente passa pelo tratamento de feridas crônicas, reabilitação funcional aqui dentro do Centro e de acordo com as suas necessidades, é encaminhado para confecção de calçados, órtese, prótese e todo tipo de adaptação que for necessária”, explicou.

Mudança de vida

Com amputação bilateral dos membros inferiores após sofrer um acidente na empresa em que trabalhava, Mário Jorge dos Anjos é um dos beneficiários do CRCAA e recebeu as próteses. O paciente contou o quanto a ação é importante para a sua qualidade de vida.

“Isso aqui é uma felicidade muito grande porque eu vou dar continuidade as minhas tarefas diárias que todos nós, homem e mulher, temos que estar de pé pra realizar com sucesso”, contou.

O paciente também enfatizou que, mesmo as pessoas que possuem sequelas, não podem desistir de realizar os seus sonhos. “Não desistam de seus objetivos, não deixe a depressão tomar conta de vocês. Eu também me senti abatido e fraco, mas a minha vontade de não desistir veio primeiramente de Deus, minha família e amigos. Também desejo a todos vocês uma boa recuperação e que vocês consigam os seus objetivos”.

Referência 

A secretária executiva adjunta de Assistência Especializada da Capital da SES-AM, Márcia Murad, destaca que o serviço do centro de reabilitação com a oficina ortopédica é o único ofertado pelo Estado, sendo referência na região Norte, com a reabilitação de crianças que têm sequelas neurológicas, principalmente, em relação ao Zika Vírus.

“Com esse trabalho que o centro de reabilitação faz, integrando a fisioterapia com a oferta da órtese e da prótese, eles conseguem ter uma melhoria na qualidade de vida que a gente pode dizer que não se contabiliza o quanto que isso melhora a vida das pessoas”, ressaltou.

A secretária também explica que a oferta do serviço foi ampliado na gestão do governador Wilson Lima. “Eles saem daqui muito felizes, porque a esperança é renovada, em andar, em promover seu auto cuidado sozinho, em poder trabalhar, realizar as suas atividades. Isso, de fato, não tem preço”, expôs.

Serviço

O coordenador da OOF do CRCAA, Ronaldo Braz Augusto, esclarece que o paciente necessita ter um pedido de um médico ou fisioterapeuta para a utilização da prótese, órtese e calçado e pode dar entrada no cadastro geral do Estado, no próprio Centro ou na Policlínica Codajás.

Conforme a ordem da lista, o paciente é chamado para realizar uma avaliação prévia para definir se há ou não condições de uso para receber a prótese, a órtese ou o calçado.

“O trabalho é personalizado, individual, cada um recebe de acordo com as suas medidas. Então, o paciente inicialmente vem, a gente tira a medida em gesso desse coto e faz o molde. A gente faz as modificações e fabricamos o molde. No caso da prótese, a gente fabrica o molde positivo, faz as modificações no gesso, depois a gente fabrica a prótese. O encaixe é feito de fibra de vidro, fibra de carbono e malhas”, informou Ronaldo.

Com informações da assessoria