Consulado da Colômbia fecha parceria com a Seap e faz entrega de insumos para curso de Confeitaria

Foto: Divulgação/Seap

O secretário de Estado de Administração Penitenciária (Seap), coronel Vinícius Almeida, fechou parceria com o Consulado da Colômbia em uma reunião, nesta sexta-feira (06), na nova sede do órgão, com o cônsul Luís Eduardo Garcia Rojas e a vice-cônsul Mina Paola Guarin Castro.

Na ocasião, foi realizada a entrega dos insumos necessários para o curso de Confeitaria, que será ofertado aos reeducandos do Centro de Detenção Provisória de Manaus (CDPM 2) e do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj). Serão 15 vagas distribuídas entre internos de origem colombiana e nacional.

O mesmo acordo ainda contempla ajuda de custo para outro curso profissionalizante, Refrigeração e Manutenção de Condicionadores de Ar. Ambos iniciarão no dia 16 de novembro, no CDPM 2, durante manhã e tarde. Esses cursos já fazem parte do programa de ressocialização da Seap “Trabalhando a Liberdade”, e recebe apoio do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) que disponibiliza os instrutores.

Segundo Vinícius Almeida, a parceria deve avançar para 2021. “Nós vamos continuar essa parceria ao longo do próximo ano e realizaremos um plano trimestral para acompanhamento do projeto, junto ao consulado da Colômbia”. Outras parcerias serão bem-vindas, conforme o titular da Seap. “Quero deixar a Seap de portas abertas para outros parceiros que queiram colaborar com a ressocialização no Amazonas”.

O cônsul Luís Rojas considera o aporte dado à Seap de grande importância para o governo colombiano. “Para o governo colombiano e para o Consulado da Colômbia em Manaus, o aporte dado a esse projeto é muito importante porque une os dois países e busca a ressocialização dos nossos custodiados no Amazonas, para que quando saiam tenham oportunidade de fazer coisas positivas”.

As informações são da assessoria