Manaus

Covid-19: Manaus já aplicou mais de 306 mil doses de vacinas em dois meses

Foto: Divulgação / Semsa

A campanha de vacinação contra a Covid-19, iniciada pela Prefeitura de Manaus no dia (19/1), registrava, às 15h desta segunda-feira,(5), 306.338 doses de vacinas aplicadas, divididas entre 249.002 primeiras doses e 57.336 segundas doses. Esse número corresponde a 53,45% do total de primeiras e segundas doses utilizadas em todo o Estado do Amazonas até hoje, que é de 573.041. Até esta data, já foram alcançados pela vacina os grupos prioritários formados por trabalhadores de saúde, idosos de 60 anos e mais, indígenas aldeados e pessoas de 50 a 59 anos com diabetes mellitus, obesidade mórbida (IMC > 40) e cardiopatias.

“Manaus avança nessa imunização e os números do ‘Vacinômetro’ municipal comprovam isso. A capital é responsável por mais da metade do total de vacinados em todo o Estado até o momento. À medida em que recebemos novas remessas, vamos alcançando mais grupos, como acontecerá nesta terça-feira, com a ampliação para pessoas de 45 a 49, com as três comorbidades que foram priorizadas. Só nessa faixa, o Imuniza Manaus já tem mais de seis mil pessoas cadastradas”, observa o prefeito David Almeida, que acompanha diariamente a movimentação por meio do “Vacinômetro” (https://vacinometro.manaus.am.gov.br).

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) mantém sete postos de vacinação em todas as zonas da cidade, atendendo nas modalidades de drive-thru e fixa, para atender as pessoas que se enquadrem nos critérios das etapas em andamento, seja para a primeira ou segunda dose. “Dos grupos iniciais, apenas na faixa etária de 60 a 64 anos ainda não havíamos alcançado a meta, até o último sábado, mas estamos bem perto, com 85,4% dos 60.925 a serem imunizados. Nos outros grupos, em todos ultrapassamos a meta. Esse resultado é possível graças ao empenho e dedicação das equipes envolvidas e apoio que temos do prefeito David Almeida, um dos maiores incentivadores deste trabalho, que tem como objetivo proteger a população de Manaus”, assegura a secretária interina da Semsa, Aline Rosa Martins.

Com informações da assessoria