Criança de 5 anos apresenta grave síndrome genética sem nome

Foto: Arquivo Pessoal

Planejada e muito esperada pelos pais, a pequena Alice Soares nasceu com um pé torto e, aos 15 dias de vida, foi diagnosticada com uma luxação congênita de quadril. A família iniciou o tratamento o mais rápido possível, mas, conforme a criança foi crescendo, outros sintomas surgiram.

Hoje, aos 5 anos, Alice vive com uma doença genética tão rara que ainda não foi nomeada pela medicina. Há uma alteração nos cromossomos 3 e 13 (um tem uma parte duplicada, e outro, perdeu metade das informações), que são responsáveis por vários problemas.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Portal Manaus Alerta