Foto: Reprodução

Uma mulher de 62 anos foi presa na Inglaterra após uma câmera escondida instalada na casa em que ela trabalhava filmar ela agredindo um jovem autista sob os cuidados dela. As desconfianças de que o rapaz era agredido começaram quando ele passou a ter dificuldades para dormir.

Nas imagens divulgadas pela polícia é possível ver a mulher forçando o jovem a ficar de pé enquanto ela sentava e fumava, forçando a mão contra a boca dele. “Eu estou de coração partido. O que eu vi me destruiu”, afirmou a mãe do garoto, Louise Evans, em entrevista ao jornal Birmingham Live.

Entre as imagens gravadas pela câmera de segurança, há vídeos da cuidadora arrastando o garoto pelos pijamas e batendo no rosto dele. A princípío, Pearline Baugh negou o crime. Após os vídeos, porém, ela confessou e foi condenada.

Fonte: IG