De decapitação à queima de arquivo, Manaus registra 7 mortes em menos de 24 horas

foto: divulgação

Sete assassinatos foram registrados em Manaus entre a noite de domingo (1º) e a madrugada desta segunda-feira (2), sendo a maioria relacionada ao tráfico de drogas. Os crimes aconteceram em quatro cantos da cidade, sendo nos bairros Distrito Industrial, Alvorada, Zumbi dos Palmares, Jorge Teixeira, São José e Mutirão, nas Zonas Sul, Oeste, Leste e Norte, conforme conta no registro do Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS).

Zona Sul

Na tarde de domingo (1º), o corpo de um homem ainda não identificado, foi encontrado  decapitado e com sinais de tortura em uma área de mata do meio fio da avenida dos Oitis, bairro Distrito Industrial.

De acordo com a polícia, uma guarnição foi acionada por populares que passava pelo local quando encontraram o corpo que, além de decapitado, o corpo estava amarrado com as mãos para trás e as vísceras estavam expostas em alto estado de putrefação.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para remover o corpo e caso deve ser investigado pela Polícia Civil do Amazonas.

Zona Oeste

No bairro Alvorada, Zona Oeste de Manaus, um homem identificado como Tiago Antônio de Oliveira Braga, de 46 anos, foi encontrado morto em seu apartamento localizado na rua Abílio Alencar, na noite de domingo (1º). Conforme a polícia a vítima teria sido assassinada por asfixia.

Ainda de acordo com a polícia, Tiago só foi encontrado porque um grupo de amigos foi visitá-lo, após ele passar um longo período sem se comunicar. Ao adentrar no imóvel, perceberam que a porta estava arrombada e se depararam com o corpo estirado no chão.

Zona Leste

Após ser perseguido por pistoleiros, Jarcley Monteiro da Silva, 30, foi morto a tiros na noite de domingo (1º), na Rua Dr. Édson, esquina com a Rua Dr. Basílio, bairro Zumbi, Zona Leste de Manaus.

Testemunhas relataram à polícia, que a vítima estava na rua quando foi perseguido por um dupla não identificada, o encurralaram e efetuaram os disparos.

A equipe de investigação da Polícia Civil não descarta a possibilidade de execução, já que a vítima, segundo conhecidos, tinha envolvimento com o tráfico de drogas.

No Jorge Texas

Antônio Marcos Santos Lima, 35, conhecido como ‘Cachorro’ foi executado a tiros em frente à sua casa na noite de domingo (1º), na avenida Samambaia, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.

Conforme a polícia, era por volta de 20h30 quando a vítima foi surpreendida por um homem não identificado, que aproveitou a ocasião de pouco movimento no estabelecimento comercial – que fica na frente da residência de Antônio-, se aproximou e efetuou os disparos. Dois tiros atingiram a cabeça e o braço esquerdo da vítima.

Familiares de Antônio o socorreram e o levaram até o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Platão Araújo, na Zona Leste, mas o homem já teria dado entrada sem vida.

Queima de arquivo

Ainda na noite de domingo (1º), um adolescente de 14 anos e um homem, ainda não identificado, foram vítimas de uma tentativa de homicídio. O fato ocorreu na rua Rio Sol, bairro São José Operário, Zona Leste de Manaus.

De acordo com a polícia, a dupla estava parada nas proximidades de um estabelecimento comercial, por volta das 20h, quando pistoleiros ainda não identificados, se aproximaram do adolescente e do homem efetuando diversos disparos contra as vítimas. Após a ação, os criminosos fugiram.

As vítimas foram socorridas e encaminhados ao Hospital e Pronto-Socorro (HPS) João Lúcio.

Zona Norte

Jamie Jackson de Souza Alves, de 24 anos, foi morto a facadas e seu corpo encontrado por populares na manhã desta segunda-feira (2), no meio fio da rua 21, no bairro Mutirão, na Zona Norte.

Era por volta das 5h30 quando populares acionaram uma guarnição da Polícia Militar, informando que um homem havia sido assassinado com uma facada no peito. No local, os policiais constaram a veracidade da informação e acionaram o Instituto Médico Legal (IML) que removeram o corpo da frente de um estabelecimento comercial naquela área.

Morte de empresário

O empresário e dono da casa de shows “Forró do Chefe”, Diego Mauricio Soares, de 22 anos, foi assassinado a tiros na madrugada desta segunda-feira (2), por uma dupla de assaltantes, não identificados, na rua 7, bairro Alvorada, Zona Oeste de Manaus. O crime ocorreu após uma tentativa de assalto em frente à residência da vítima.

Segundo a polícia, Diego tinha acabado de sair de casa quando foi abordado pelos criminosos e, sem demostrar qualquer reação, um dos suspeitos atirou duas vezes no rosto dele.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para proceder com os primeiros socorros e logo encaminharam para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Alvorada, mas a caminho de um procedimento cirúrgico no HPS Dr. João Lúcio, Zona Leste, ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

Câmeras de segurança dos vizinhos devem auxiliar a polícia para identificar os suspeitos do crime.

O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) e o caso deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Todos os casos já estão sendo investigados pela Polícia Civil.

Por Manaus Alerta