Política

Defesa de Temer pede suspensão de depoimento até fim de perícia em áudio

Redação
Postado por Redação

A defesa do presidente Michel Temer pediu nesta quarta-feira (31), que o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, reconsidere a autorização dada à Políca Federal para colher desde já o depoimento por escrito do peemedebista, a fim de que Temer só responda por escrito às perguntas da PF após a realização da perícia no áudio da conversa entre o presidente e o empresário Joesley Batista, delator do Grupo J&F que gravou o diálogo no Palácio do Jaburu em março.

“É de fácil percepção a absoluta impossibilidade de o Presidente da República fornecer respostas enquanto não finalizada a perícia deferida como prioridade por Vossa Excelência. Especialmente, impossíveis de ser respondidos seriam eventuais quesitos que digam respeito a uma gravação que, de antemão, já se sabe fraudada!”, afirmam os advogados Antônio Cláudio Mariz de Oliveira e Sérgio Eduardo Mendonça de Alvarenga.

Os advogados pediram também que, caso decida não adiar o depoimento, Fachin ao menos oriente a PF a não elaborar perguntas sobre o conteúdo da conversa entre Temer e Joesley.

Fonte: Estadão

Comentários

comentários


Deixe um comentário