Dia do Sagrado Coração de Jesus é celebrado com procissão, em Manaus

foto: divulgação

Nesta sexta-feira (19) após a solenidade do Corpo e Sangue de Cristo, a igreja católica festeja o Dia do Sagrado Coração de Jesus. Em Manaus, a comunidade localizada na rua Ferreira Pena, Centro, neste ano de 2020 no qual festejou os 40 anos de Paróquia, marcou esta data tão importante por outros meios.

Todos sabemos que a pandemia que atinge o mundo nos fez mudar a rotina de vida. Desde março, Manaus tem sido uma dos principais capitais em destaque nacional e internacional por causa dos números preocupantes de casos e mortes ocasionados pela COVID-19.

A arquidiocese de Manaus orientou adotarmos outros meios para continuar nosso trabalho de evangelização. E mesmo nos festejos dos 40 anos de uma comunidade que caminha na tradição, os paroquianos buscaram meios de seguir na caminhada rede esperança e principalmente no fortalecimento da fé.

Quem achou que os festejos não aconteceriam, ficou muito enganado. Cada noite dos nove dias de novena, as pastorais se organizaram para rezar e compartilhar o novenário em honra ao Sagrado Coração de Jesus. Tudo divulgado nas mídias sociais da paróquia e nos grupos de WhatsApp.

A coordenação paroquial não deixou que este dia de festa passasse em branco. A comunidade que tradicionalmente realiza a alvorada seguido da procissão em honra ao Coração de Jesus, às 5h “da matina”, aderiu neste ano uma carreta por todas as ruas que integram a comunidade.

Na madrugada, a cada meia hora os comunitário se comunicam pelas queimas de fogos. A sensação é como se tivéssemos mais um meio de nos informar que a hora mais esperada está chegando. Uma fileira de carros, com balões vermelho e branco, com formatos de coração, imagens do Sagrado Coração de Jesus, tudo o que se possa imaginar para marcar a devoção era visto neste momento de demonstração de fé.

Dezenas de carros se fizeram presentes na carreata da Paróquia Sagrado Coração de Jesus. Um dos momentos mais emocionantes foi a saída do andor para o início da caminhada. Como uma metáfora, os “viva” se transformaram nos tons mais diferenciados das buzinas.

Quando a carreata fez a curva na rua Barcelos para chegar à igreja, toda a comunidade que participou da caminhada teve a oportunidade de se ver. Foram minutos importantes para matar a saudade. E quem não pode participar na carreata, enfeitou as casas, sacadas e até ruas; seguindo a tradição da comunidade.

Este foi o primeiro encontro de Dom Leonardo com a paróquia e os festejos do Sagrado Coração de Jesus em Manaus. A celebração do dia foi transmitida via rede social. Nos bancos da igreja foram colocados as fotos das famílias de nossos paroquianos. Vocês sempre estiveram aqui conosco!

O amor ao Coração de Jesus, sem dúvida, é maior forma de amor que já conheci na vida!

Com informações da assessoria