Dicas para salvar uma empresa diante de uma queda de energia

Dicas para salvar uma empresa diante de uma queda de energia Imagem: Pixabay
Manaus Alerta
Postado por Manaus Alerta

Se existe algo que pode prejudicar uma empresa são quedas abruptas e constantes de energia. Seja por desastres naturais – como chuvas fortes ou quedas de árvores – ou por sobrecarga de concessionárias em épocas de alta necessidade de fornecimento, é um problema real, que pode acometer qualquer tipo de negócio.

Os prejuízos que as empresas podem ter com quedas de energia são os mais variados possíveis e podem provocar verdadeiros rombos no caixa da companhia.

Dentre eles, estão perda de estoque por falta de refrigeração, quebra de equipamentos, descumprimento de prazos devido parada da produção ou de serviços administrativos, etc.

Por isso, a garantia de manutenção do fornecimento ininterrupto da energia elétrica é algo que deve ser levado a sério pelos gestores de negócios.

Dessa forma, o conteúdo traz dicas imprescindíveis para evitar problemas durante uma queda de energia e proteger qualquer empresa das consequências desse problema inevitável.

Utilização de UPS

O Uninterruptible Power Supply (UPS), também conhecido como No-break, é uma boa ferramenta para evitar prejuízos durante rápidas quedas de energia.

Além de estabilizar os aparelhos conectados e mitigar as grandes oscilações que ocorrem em pouco tempo, o sistema funciona como uma reserva de energia permanente para cobrir qualquer falha da fonte principal de geração – independente do motivo.

A desvantagem desse sistema é o alto custo. O investimento aumenta exponencialmente com o aumento da carga a ser atendida (kVA) e também em função da autonomia desejada (minutos).

Outro ponto é que o equipamento tem capacidade interna para suportar a reposição do fornecimento por um período entre 20 minutos e 4 horas, no máximo. O tempo varia conforme quantos aparelhos estão conectados a ele e quanta energia cada um consome.

Aluguel de Gerador de Energia

Utilizar UPS e outros sistemas com bateria interna são formas de driblar problemas por quedas de energia.

Porém, como mencionado, esses aparelhos têm seu funcionamento limitado a um curto período de tempo. Ou seja, se houver uma complicação maior e a energia demorar a voltar, a empresa poderá arcar com as mesmas consequências daqueles que não se prepararam para esse cenário.

Nesse caso, a locação de geradores é a melhor alternativa. Essa dica é essencial para hospitais e empresas que precisam manter muitos aparelhos ligados sem interrupções ou aqueles negócios que dependem de iluminação e climatização, já que uma queda de energia mais prolongada poderá significar grande perda de estoque.

Mas, para além disso, toda e qualquer empresa precisa de energia para manter seu funcionamento pleno. Ter um gerador é uma garantia de continuidade do negócio, mesmo com interrupções na energia fornecida pela concessionária.

Outra vantagem do aluguel de gerador de energia é a praticidade. Ao optar por essa modalidade de contrato, a empresa especializada assume 100% dos serviços de instalação, manutenções preventivas e corretivas, monitoramento e depreciação do ativo.

Além do processo ser mais vantajoso financeiramente do que adquirir um gerador próprio, é também mais fácil operacionalmente.

O cliente pode contar com o acompanhamento de profissionais durante todo o momento do contrato e ainda uma substituição de máquina no caso de uma manutenção corretiva mais prolongada.

Com estas orientações, as empresas podem definir a estratégia para elaborar o plano de prevenção mais apropriado para cada caso. Desta forma, quando houver o problema, estará apta a enfrentá-lo oferecendo segurança para a equipe e para o patrimônio, e também sem sofrer perda de equipamentos e outros prejuízos.


Deixe um comentário