Dona Miguelina, mãe de Ronaldinho, morre vítima da covid-19 aos 71 anos

foto: reprodução/Twitter

A dona Miguelina, mãe do craque Ronaldinho Gaúcho, faleceu nesta sábado (20) vítima da covid-19. Miguelina Eloi Assis dos Santos estava internada desde dezembro do ano passado após ter complicações por conta da doença.

A informação foi divulgada em primeira mão pela rádio Itatiaia, que viria a ser confirmadas pelo familiares de Ronaldinho. Dona Miguelina estava internada no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Mãe de Deus em Porto Alegre (RS).

O hospital não divulga informações sobre os pacientes. Um dos clubes mais marcantes da carreira de Ronaldinho, o Atlético Mineiro, onde o craque ganhou a Libertadores de 2011, decretou luto pela morte de dona Miguelina.

Da redação – Manaus Alerta