Tecnologia

Editor de checagem do Estadão compartilha vídeo ‘fake news’ sobre capotamento em desfile militar

fotos: reprodução/Twitter

O editor do Estadão Dados e do Estadão Verifica, Daniel Bramatti, caiu e compartilhou uma “fake news”. Se trata de um vídeo no Twitter, em perfil falso do G1, que dizia que veículos militares capotaram a caminho do desfile que aconteceu no Palácio do Planato, em Brasília nesta terça-feira (10). Mas para a surpresa de todos, o editor de verificação, não verificou a veracidade do vídeo.

“Isso é o que acontece quando fazem política em vez de pintar o meio-fio direitinho”, escreveu Daniel. Mas na verdade, o vídeo não se trata da tropa da Marinha do Brasil que marchou passando por Brasília, para entregar um convite ao presidente da República, e tem como destino a cidade de Formosa, em Goiás.

Além de Bramatti, outras personalidades também compartilharam o vídeo, acreditando que era uma notícia verdadeira do G1, como o vocalista da banda Detonautas, Tico Santa Cruz, que depois apagou as postagens. “Meu Deus, alguém ajuda essas pessoas que não tem culpa de cumprir ordens desse psicopata”.

O editor do Intercept Brasil, Leandro Demori também caiu no vídeo fake. “Atenção, quero uma camiseta disso com urgência para usar no próximo Cama de Gato”, escreveu. Além do jornalista do Mídia Ninja, George Marques. “O nível do golpe pretendido pelo extremista: um dos tanques capotou hoje a caminho do Planalto”, escreveu.

 

Portal Manaus Alerta