Eleições 2020: veja quais vereadores não foram reeleitos em Manaus

Foto: Reprodução

A eleição para decidir os vereadores de Manaus aconteceu no último domingo (15). Alguns nomes conhecidos foram reeleitos, novos foram eleitos, mas alguns não conseguiram continuar ocupando a cadeira na Câmara Municipal.

Henrique Oliveira (PROS) teve apenas 715 votos nesta eleição. Em 2008, ele foi eleito o vereador mais votado em Manaus e em 2010 eleito a deputado federal. Em 2017 foi cassado pelo TSE enquanto vice do ex-governador José Melo.

Quem também não teve a mesma sorte foi Reizo Castelo branco (PTB) que em 2012 foi o vereador mais votado levando 18 mil votos. Nesta eleição, ele não conseguiu se reeleger e ficou com apenas 1.779.

Conhecido por seu trabalho na TV e rádio, Carlos Portta (PSB) foi eleito em 2017 com 6.610 votos. Em 2020, ele perdeu o cargo levando apenas 946 votos.

Elias Emanuel (PSDB) ficou de fora após cinco mandatos levando apenas 3.646 votos.  Roberto Sabino (Podemos) também não conseguiu continuar e ficou com 5.152. Mirtes Salles (Republicanos) obteve 1.116 votos. Socorro Sampaio (PSDB) ficou com 1.717 votos também não conseguindo continuar.

 

Thainá Araújo – Portal Manaus Alerta