Empreendedora indígena tem sua imagem grafitada na Torquato Tapajós

foto: divulgação

Como parte do movimento #elasinvestem, que procura mostrar o quanto as assessoradas do Consulado da Mulher – ação social da marca Consul que trabalha na transformação social por meio do incentivo ao empreendedorismo feminino – investem tempo, amor, esforço e conhecimento em seus negócios, a índia da etnia Kambeba, Neurilene Cruz, teve a sua imagem grafitada na avenida Torquato Tapajós, Zona Norte de Manaus, pelas mãos de Deborah de Lemos.

Neurilene, que atualmente possui um restaurante na aldeia onde vive – na Comunidade Indígena Três Unidos, que fica a aproximadamente 60 km da capital do Amazonas – teve a oportunidade de começar a trabalhar com alimentação em 2010 e não parou mais. Então conheceu o Consulado, que a ajudou a profissionalizar seu negócio e aumentar a sua renda.

Hoje, além de cuidar do restaurante Sumimi, a manauara Neurilene também recepciona turistas que visitam o local e dá aulas de culinária indígena – ajudando outras mulheres a se tornarem independentes.

Como forma de homenagear e incentivar o empreendedorismo feminino, a imagem de Neurilene ficará grafitada em um muro da Av. Torquato Tapajós, uma das avenidas mais importantes de Manaus, até o dia 12 de dezembro.

Outras empreendedoras do Consulado da Mulher também foram homenageadas, tendo suas imagens grafitadas em famosos pontos turísticos como o Beco do Batman, em São Paulo.

Com informações da assessoria