Polícia

Envolvido em latrocínio de ex-vereador diz que matou porque vítima reagiu

Do local o jovem subtraiu celulares, jóias e uma quantia em dinheiro, que não foi informada pelo infrator- foto: divulgação
Redação
Postado por Redação

Na noite de ontem (22), por volta de 21h, policiais Civis e Militares, prenderam, em flagrante, Rick Almeida Mota, 18, um dos autores do latrocínio do ex-vereador e ex-presidente da Câmara Municipal de Parintins, Everaldo Silvério Batista Coelho, ocorrido no mesmo dia da prisão, no estabelecimento comercial que pertencia a vítima, situado na rua Ipiranga, bairro Palmares, naquela cidade.

Com o jovem, as equipes apreenderam dois revólveres, uma arma de fabricação caseira, munições, trouxinhas de entorpecentes, celulares roubados, um facão e uma máscara utilizados para cometer roubos na cidade.

Na manhã de ontem, o vice-governador e secretário de Segurança Pública do Amazonas, Bosco Saraiva, determinou que fosse montada uma Força-Tarefa com intuito de identificar e prender os envolvidos no crime.

Por volta das 11h, policiais civis lotados na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e policiais da Secretaria-Executiva de Inteligência (Seai) da SSP-AM, além de um perito do Instituto de Criminalista (IC), sob o comando do delegado Juan Valério, titular da DEHS, viajaram para Parintins para auxiliar nas investigações em torno do caso.

Diligências

As diligências tiveram, ainda, apoio de policiais civis que atuam na Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Parintins, e de policiais militares lotados naquele município e da Força-Tática.

Conforme Juan Valério, o criminoso relatou, em depoimento na delegacia, que ele entrou no estabelecimento da vítima e o comparsa dele, que já foi identificado pela polícia, ficou do lado fora para auxiliá-lo na fuga. Segundo Rick, durante a ação o ex-vereador reagiu e ele acabou efetuando dois disparos contra o mesmo. Do local o jovem subtraiu celulares, jóias e uma quantia em dinheiro, que não foi informada pelo infrator.

Rick será autuado em flagrante por latrocínio, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis, o infrator será levado para a Unidade Prisional de Parintins, onde irá permanecer à disposição da Justiça. O titular da DEHS ressaltou que as diligências em torno do caso irão continuar para prender o comparsa de Rick.

Deixe um comentário