Estado mobilizado para vacinar 900 mil pessoas em 62 municípios

Dos 30 óbitos registrados por SRAG, 80% apresentavam fator de risco, com destaque para pessoas com diabetes, pneumopatas, pessoas com obesidade e neuropatas- foto: Valdo Leão

O Dia D de Vacinação contra a Influenza, neste sábado (13) mobiliza agentes de saúde nos 62 municípios do Amazonas, com a meta de alcançar, até o próximo dia 26 de maio 900 mil pessoas do chamado grupo de risco: crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos, pessoas com mais de 60 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas, pessoas com doenças crônicas, profissionais da saúde e da educação, população privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.

O diretor presidente da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), Bernardino Albuquerque, visitou unidades de saúde de Iranduba e Manacapuru, na região Metropolitana de Manaus. Segundo ele, o Estado está preparado para o desafio de alcançar a meta com a intensificação da campanha em todas as unidades de Saúde estaduais e dos municípios. A campanha de vacinação acontece desde o dia 17 de abril e, até a sexta-feira (12), cerca de 170 mil pessoas já haviam sido vacinadas no Estado.

Sobre a influenza

Considerada uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório, a gripe é transmitida pessoa a pessoa, ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, pois isso as recomendações são as lavagens das mãos, o uso de álcool gel e evitar ​lugares ​aglomerados.

A FVS através do monitoramento das unidades sentinelas percebeu o aumento de casos de Síndromes de Respiratória Grave (SRAG)​, sobretudo em Manaus​, com maior positividade para os vírus do tipo sincicial respiratório, influenza B e influenza H3N2. Até o momento foram registrados 212 casos da doença sendo positivos 106 casos para o vírus sincicial respiratório, 47 casos para H3N2 e 44 casos para Influenza B. As faixas etárias mais atingidas são crianças menores de cinco anos e idosos.

Com informações da assessoria