Falta da 2ª dose de vacina contra Covid preocupa Ministério da Saúde

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Mesmo com as recentes articulações para compra de insumos para produção e de vacinas prontas contra a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, integrantes do Ministério da Saúde observam com cautela o risco de o país não ter vacinas para a aplicação da 2ª dose e para a continuidade da campanha.

Nos debates mais recentes entres os técnicos da pasta está a estratégia de imunizar o maior número de pessoas possível com as doses disponíveis, sem reservar insumo para a aplicação do reforço. Ao todo, o governo quer vacinar 77,2 milhões de brasileiros num primeiro momento.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta