Fifa vai testar substituição extra por concussão

Foto: Divulgação

Os choques de cabeça vem sendo motivo de constante preocupação no mundo do futebol e, pensando nisso, a Fifa informou que usará o próximo Mundial de Clubes para testar uma substituição extra na constatação de concussão ou mesmo do risco iminente.

Segundo comunicou a entidade nessa sexta-feira (8), uma avaliação médica no gramado será feita após choques de cabeça onde exista a possibilidade de concussão e, constatado o risco, uma substituição extra poderá ser feita independente de quantas mudanças e/ou pausas tenham ocorrido.

A medida já estava sendo estudada desde o último mês de dezembro pelo órgão que gerencia e formula as regras do esporte, a International Football Association Board (IFAB), que também foi responsável pela sugestão e implementação das cinco substituições em três pausas com exceção do intervalo. Regra essa que, no Mundial, seguirá valendo.

Os representantes de cinco continentes (Europa, Ásia, África, Oceania e campeão nacional) já estão definidos, restando apenas a definição do campeão da Libertadores para serem conhecidos todos os participantes do torneio que ocorrerá no Catar entre os dias 1 e 11 de fevereiro.

As informações são do Lance!