Fiscalização vistoriou mais de 650 estabelecimentos para cobrar regras de prevenção à Covid-19

Foto: Divulgação/SSP-AM

A Central Integrada de Fiscalização (CIF), coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), vistoriou 658 estabelecimentos comerciais para verificar a adoção das regras sanitárias de prevenção ao Covid-19, em Manaus. As ações começaram a partir do decreto de reabertura das atividades comerciais publicado pelo governo estadual.

A CIF engloba as equipes da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Departamento Estadual de Trânsito, Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu), entre outros órgãos, que prestam o apoio para que os fiscais da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) e da Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus).

Além das questões sanitárias, o colegiado também verifica questões relacionadas à segurança do empreendimento, como sistema de prevenção de incêndios e a própria licença sanitária para operação.

Notificações e autuações

Além do descumprimento das medidas sanitárias, a CIF identificou problemas como ausência de licenças sanitárias e do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros, entre outros documentos que comprometem a segurança dos locais.

No último final de semana, dos 55 estabelecimentos fiscalizados, sete foram fechados e dez foram autuados por estarem descumprindo o decreto governamental que prevê medidas de segurança em locais públicos.

Só na madrugada de domingo (20), 30 motoristas foram flagrados pelos agentes do Detran-AM dirigindo embriagados. Realizada pelo Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), do Detran, e pelo Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran), a ação também removeu seis paredões de som que causavam distúrbio ao sossego em cinco postos de combustíveis da cidade. Festas informais que ocorriam em cinco postos foram dispersas.

Participam da CIF servidores da Secretaria Executiva Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada (Seagi), da SSP; Polícia Militar do Amazonas; Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM); Ouvidoria Geral do Sistema de Segurança Pública; FVS-AM; Visa Manaus; Immu; entre outros.

As informações são da assessoria