Política

Flordelis é expulsa do PSD

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A ex-deputada federal Flordelis dos Santos de Souza foi expulsa do Partido Social Democrático, o PSD. A decisão foi tomada pela Executiva Nacional da legenda cinco dias após o plenário da Câmara dos Deputados cassar o mandato da parlamentar . A expulsão foi noticiada pela coluna “Extra, Extra”.

Flordelis perdeu o mandato no último dia 11, acusada pelo relator Alexandre Leite (DEM-SP) de se valer do prestígio de parlamentar para embaraçar as investigações sobre o assassinato do pastor Anderson do Carmo, marido de Flordelis, e induzir o filho assumir o crime.

Já a decisão de expulsá-la do partido foi tomada na segunda-feira seguinte, dia 16, quando a Executiva bateu o martelo sobre a questão. O registro público no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no entanto, só estará disponível em outubro, quando a corte fará uma atualização do sistema.