Polícia

Foragida da Justiça é recapturada na Zona Leste de Manaus

Ao término dos procedimentos na unidade policial, Drielly foi encaminhada ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF)- foto: divulgação/PC
Redação
Postado por Redação

Após denúncias anônimas, Drielly Nunes da Silva, 29, foi recapturada na manhã de hoje (15), na casa onde ela morava, na rua Criciúma, Comunidade Grande Vitória, bairro Gilberto Mestrinho, Zona Leste, após policiais civis cumprirem mandado de prisão por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

De acordo com informações do delegado Miguel Ribeiro, titular do 4º Distrito Integrado de Polícia (DIP), a ordem judicial em nome de Drielly foi expedida no dia 12 de dezembro de 2015, pelo juiz Eliezer Fernandes Júnior, da Vara de Execuções Penais (VEP).

“Drielly é conhecida da polícia. Estávamos monitorando aquela região a fim de recapturarmos a suspeita. Ela tem envolvimento com o tráfico de drogas e estava foragida do sistema prisional, por isso a existência desse mandado de prisão em aberto. Drielly foi condenada por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Recebemos informações seguras sobre o paradeiro dela e logramos êxito na prisão da mesma”, esclareceu o delegado.

Segundo informações da autoridade policial, Drielly foi presa em flagrante em julho de 2012. O período da prisão em flagrante e a condenação pela Justiça, Drielly respondeu ao processo presa, depois conseguiu um Alvará de Soltura para responder ao processo em liberdade. Em dezembro de 2015 esse alvará foi revogado e Drielly foi condenada a oito anos de prisão.

“Desde que o Alvará de Soltura em nome de Drielly foi revogado, ela não havia se apresentado para cumprir a pena, por isso passou a ser considerada foragida da Justiça”, acrescentou Ribeiro.

Ao término dos procedimentos na unidade policial, Drielly foi encaminhada ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), onde irá ficar à disposição da Justiça.

Comentários

Deixe um comentário