FPS entrega obra de ampliação da Maternidade Balbina Mestrinho

Foto: Lucas Silva e Diego Peres/Secom

O Governo do Estado, por meio do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), realizou, na manhã desta quinta-feira (26), a inauguração da primeira das três Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) incluídas na obra de ampliação da Maternidade Balbina Mestrinho. A unidade localizada na rua Duque de Caxias, bairro Praça 14, zona sul de Manaus, é referência da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) para gravidez de risco.

A execução da obra da Maternidade foi realizada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra) e conta com status de 58% de conclusão, com recursos do FPS no montante de R$ 1.615.868,73.

A Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal Convencional (Ucinco) foi totalmente reformada e teve sua capacidade de atendimento ampliada de 20 para 24 leitos, sendo a primeira das UTIs a ser entregue. Para essa ampliação, foram realocados os serviços de Pediatria e de Atendimento às Vítimas de Violência Sexual (Savvis).

O trabalho de reforma conta ainda com a realização de serviços em duas outras unidades de terapia intensiva do prédio da maternidade, a Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal Canguru (Ucinca) e a Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIn).

O atual Bloco de Engenharia Clínica passou a abrigar a Ucinca, que terá em sua estrutura um posto de enfermagem, recepção e área de espera, sala de utilidades, reanimação de recém-nascidos, sala de higienização, banheiro para mães, sala de atividades e área com dez leitos, oferecendo, assim, segurança, conforto e comodidade para os acompanhantes, as mães em trabalho de parto e as crianças nascidas na Balbina Mestrinho.

A área que abrigava a Ucinco e a UTIn irá atuar exclusivamente como Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal. Com isso, houve a ampliação da capacidade de 10 para 25 leitos de terapia intensiva e a reformulação da área de apoio direto, oferecendo melhorias na rotatividade dos leitos de alta complexidade.

No início do evento, foi anunciada pela primeira-dama do Estado, Taiana Lima, a reforma de cinco Centros de Atenção Integral à Criança (Caics). “Quero aproveitar o momento e anunciar que, já no mês de dezembro, iremos iniciar as obras do novos Caics com muita alegria, junto ao Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), à Seinfra e à Secretaria de Estado de Saúde (SES)”, anunciou a primeira-dama.

A secretária executiva do FPS, Kathelen Santos, assinalou que a inauguração, desta quinta-feira, marca “um momento de alegria e muita satisfação” ante o atual cenário de pandemia.

“Ainda assim, a Secretaria de Infraestrutura e a Secretaria de Saúde deram toda a atenção para que agora possamos realizar a entrega desta obra de ampliação, que é tão importante e especial para todos. Muito obrigada aos envolvidos e, em especial, à primeira-dama Taiana Lima pela confiança no trabalho do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza”, declarou.

Melhorias – A conclusão da obra na Maternidade Estadual Balbina Mestrinho, abrangendo a ampliação de leitos da UTI Neonatal e a reparação e readequação da estrutura física, irá possibilitar a resolução de graves problemas estruturais que impedem o regular e adequado funcionamento dos serviços à população e põem em risco a saúde de pacientes internados que exigem cuidados específicos.

Assim, a ação busca atender com qualidade e segurança à demanda existente dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na unidade.

FPS – O Governo do Amazonas, por meio do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), seleciona, custeia e monitora projetos geradores de trabalho, renda e autossustentação que garantam a inclusão social de dependentes de substâncias psicoativas, pessoas com deficiência, idosos, crianças e adolescentes e o setor primário.

As informações são da assessoria