Tecnologia

Governo federal apura vazamento de 100 milhões de celulares, inclusive o de Bolsonaro

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) informou, nesta quinta-feira (11), em nota, que apura tecnicamente as informações sobre o incidente envolvendo o vazamento de dados pessoais.

Um novo vazamento de dados na internet teria exposto mais de 100 milhões de contas de celular (inclusive do presidente Jair Bolsonaro) em fevereiro, segundo o dfndr lab, da empresa de cibersegurança PSafe. A informação foi revelada pelo site NeoFeed.

“A ANPD está tomando todas as providências cabíveis. A autoridade oficiou outros órgãos, como a Polícia Federal, a empresa que noticiou o fato e as empresas envolvidas, para investigar e auxiliar na apuração e na adoção de medidas de contenção e de mitigação de riscos relacionados aos dados pessoais dos possíveis afetados”, informou o órgão, em nota.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta