Amazonas

Governo já entregou mais de 75 mil cartões do Auxílio Enchente

Foto: Arquivo / Defesa Civil-AM

O Governo do Amazonas, através da Defesa Civil do Estado do Amazonas, até esta quinta-feira (1), entregou 75.744 cartões do auxílio Estadual Enchente para moradores das localidades afetadas pela cheia de 2021. O auxílio foi lançado pelo governador Wilson Lima e representa investimentos de R$ 37,5 milhões, voltados para o suporte de famílias afetadas pela enchente, de forma ágil e segura.

“Estamos levando a ajuda necessária na hora certa e a quem mais precisa, aqueles nossos irmãos que tem sofrido com o impacto da cheia. É uma ajuda que vai assegurar alimentação e outros itens muito importantes para ajudar a enfrentar esse momento”, afirmou o governador.

A entrega do benefício de R$ 300,00, em parcela única, já foi finalizada em Manaquiri, Careiro Castanho, Anamã, Boca do Acre, Carauari, Careiro da Várzea, Envira, Guajará, Itamarati, Lábrea, Novo Aripuanã, Pauini e Tapauá. Até o momento, 52 municípios já foram atendidos ou ainda estão sendo atendidos na ação, que faz parte da Operação Enchente 2021.

Agentes coordenados pela Defesa Civil do Estado seguem com a entrega de cartões, em andamento, nos municípios de Beruri, Iranduba, Autazes, Urucurituba, Parintins, Tonantins, Caapiranga, Alvarães, Manaus, Tefé, Anori, Manacapuru, Boa Vista do Ramos, Barreirinha, Borba, Canutama, Eirunepé, Ipixuna, Itacoatiara, Juruá, Jutaí, Maués, Nhamundá, Nova Olinda do Norte, Silves, Tabatinga, Uarini.

Barcelos, Codajás, Japurá, Manicoré, Novo Airão, São Sebastião do Uatumã e Urucará são as próximas localidades a receberem o auxílio.

A equipe da Defesa Civil Estadual tem atuado na capacitação de agentes para realização do cadastro dos beneficiários, visando a agilidade tanto dos cadastros quanto das entregas dos cartões.

A ação conta com o apoio das Defesas Civis municipais e de técnicos das prefeituras, servidores do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), da Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC), das Secretarias de Estado de Assistência Social (Seas) e de Cultura e Economia Criativa.

 

Cadastro

O cadastro dos beneficiários é feito pelo aplicativo Sasi, por meio de parceria entre os órgãos de Defesa Civil do Estado e municípios.

As equipes têm ido às casas atingidas pela enchente para fazer o registro dos dados das famílias no aplicativo e, de imediato, a entrega do cartão. O número do cartão é inserido no cadastro, junto a um registro fotográfico do beneficiário. O prazo de validação do cadastro é de até 48 horas após a entrega do cartão. Os critérios para receber o benefício e outras informações estão disponíveis em: auxilio.am.gov.br.