Governo realiza ações para idosos no mês de Conscientização dos Direitos Humanos

Governo do Amazonas realiza ações para idosos no mês de Conscientização dos Direitos Humanos- foto: divulgação/Sejusc

Em dezembro, mês de Conscientização dos Direitos Humanos, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), realizará ações voltadas para os idosos, com atividades como rodas de conversa e distribuição de material informativo sobre a aceitação do envelhecimento, a importância da família e prevenção contra HIV em idosos.

Segundo a titular da Sejusc, Caroline Braz, a programação começa no dia 4, das 8h às 12h, com uma palestra “A Vulnerabilidade da Pessoa Idosa ao HIV/AIDS” e entrega de preservativos para pessoas da terceira idade do Grupo Santuário da Vida, na zona leste de Manaus.

“Identificamos a necessidade de trabalhar a prevenção principalmente porque, segundo dados do Ministério da Saúde, o índice de idosos portadores do HIV aumentou em 103% e até 2030 deve aumentar ainda mais o quantitativo”, comentou a secretária.

Homenagem

No dia 10, Dia Internacional dos Direitos Humanos, será realizada uma homenagem, com entrega de certificados e placas, aos órgãos parceiros da rede de proteção do Estado, como Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), Delegacia Especializada de Crime Contra Idoso (Decci), Fundação Doutor Thomas, Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) e Conselho Estadual do Idoso (CEI).

“Foi um ano de muitas lutas, desafios e, graças à atuação de órgãos parceiros, conseguimos avançar na nossa política do idoso. Então, é uma forma de agradecer esse apoio tão importante”, afirma a titular da Sejusc. “Com as ações, buscamos sensibilizar a comunidade no diálogo sobre temas de direito à saúde, à acessibilidade e chamar a atenção quanto ao papel da família, do Estado e da sociedade na garantia desses direitos”.

Rodas de conversa 

No Dia da Família, celebrado em 12 de dezembro, das 9h às 12h, acontecerá, na sede do Centro Integrado de Proteção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cipid), na rua do Comércio, s/nº, bairro Parque Dez, zona centro-sul, a roda de conversa com o tema “Aceitação do Envelhecimento: a Importância da Família” e um café da manhã para o público da Terceira Idade em atendimento no local.

Penitenciária

No dia 13, das 8h às 12h, uma equipe multidisciplinar da Sejusc realizará uma visita técnica ao Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), para fazer um diagnóstico sobre a garantia dos direitos da pessoa idosa e acompanhar os internos que estão cumprindo pena no local.

Cipid

A Sejusc dispõe de um Centro Integrado de Proteção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cipid), localizado no anexo à Delegacia Especializada em Crimes contra o Idoso, na rua do Comércio, s/nº, bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul.

De janeiro a outubro deste ano, 1.980 idosos foram atendidos e tiveram encaminhamento para as medidas de proteção e garantia de direitos. O mês com mais atendimentos foi janeiro, com 227 casos, sendo a maioria de mulheres. Neste período, a ocorrência mais registrada foi de intimidação e perturbação. Em seguida, os maiores índices foram dos meses de agosto, com 225, e abril, com 197 atendimentos.

Com informações da assessoria