Armado com uma faca, homem ameaça matar família e acaba morto pela polícia

O corpo da vítima foi removido ao IML. Foto: PMS

O ex- presidiário Charles Nunes Teixeira, 34, foi morto com um tiro no abdômen, por policiais militares, após ameaçar sua família com um faca e reagir a ação policial na noite de ontem(18). O crime ocorreu na rua 1º de junho, bairro Zumbi, zona Leste da capital.

De acordo com informações dos policiais militares da 25ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que atenderam a ocorrência, após receberam a denúncia de um sobrinho do ex-presidiário relatando que Charles estava com uma faca, ameaçando todos os seus familiares inclusive sua mãe. Em seguida a guarnição tentou uma negociação mal sucedida, pois o homem reagiu a presença dos policiais agredindo com vários socos um dos pms na tentativa de pegar a arma do policial. O agressor ainda tentou ferir outro pm, mais foi atingido com um tiro na região do abdômen.

O ex-presidiário chegou a ser socorrido pelo Serviço de atendimento móvel de urgência e emergência (Samu) e levado até o Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, mais não resistiu aos ferimentos e morreu.

O corpo corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), o policial militar agredido com socos passou por curativo na região do rosto e fez exame de corpo e delito.

Por Manaus Alerta