Homem é preso por abusar sexualmente de filha com deficiência intelectual, em Manaus

Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM

Um homem de 53 anos foi preso sob suspeita de ter abusado sexualmente da própria filha, uma mulher de 30 anos, que é deficiente intelectual. A prisão do suspeito foi realizada por policiais civis do 30° Distrito Integrado de Polícia (DIP) na manhã desta segunda-feira (19).

Segundo o titular do 30º DIP, delegado Torquato Mozer, o suspeito já vinha cometendo os abusos há cerca de dois anos, após a morte da mãe da vítima. O crime aconteceu na residência de ambos, localizada no bairro Jorge Teixeira, zona Leste da capital.

Ainda conforme a autoridade policial, com a morte da mãe, a moça e o irmão – ambos portadores de necessidades especiais – foram morar com o pai. Desde então, o homem passou a abusar sexualmente da filha. Os estupros ocorriam quando o irmão da vítima estava na escola, informou o delegado.

Segundo relatos de vizinhos à Polícia Civil, era possível ouvir murmúrios por parte da moça enquanto era abusada pelo pai.

Mozer informou, ainda, que a vítima teria conseguido avisar aos vizinhos sobre abusos e estes acionaram a polícia, que deu início às investigações há duas semanas. “A vítima, por um lapso, conseguiu avisar vários dos seus vizinhos que denunciaram este fato à delegacia”, constatou Mozer.

O delegado contou que os estupros foram comprovados por exame técnico-pericial. “Por meio do exame se comprovou que, de fato, existiu relações sexuais”, concluiu.

O homem foi indiciado por estupro de vulnerável. Após os procedimentos cabíveis, ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisório Masculino, onde ficará a disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui