Política

Mayra Pinheiro: ‘tem pênis na porta da Fiocruz, tapetes de Che Guevara, figurinhas Lula livre e Marielle vive’

foto: reprodução

A médica Mayra Pinheiro, secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, afirma em áudio declarações polêmicas sobre o prédio da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) durante o depoimento para CPI da Covid-19, onde está sendo ouvida deste a manhã desta terça-feira (25).

“Tudo deles envolve LGBTI. Eles tem um pênis na porta  da Fiocruz, todos os tapetes das portas são a figura do Che Guevara. As salas são figurinhas de Lula livre, Marielle vive. Então é um órgão que tem um poder imenso…”, disse Mayra Pinheiro, no primeiro trecho do áudio. Confira o áudio completo no vídeo abaixo.

 

O áudio foi mostrado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-RO), que após ouvir todo a mensagem perguntou da médica se ainda tinha a mesma opinião, e Mayra Pinheiro afirmou que sim. O senador Omar Aziz (PSD-AM), afirmou que a secretária havia falado “tênis” no áudio, mas a própria Mayra Pinheiro reafirmou sua opinião: “não senhor”.