‘Melhor do que nada’, diz Bolsonaro sobre redução da quantia do auxílio emergencial

Foto: Reprodução/Youtube

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse a um apoiador, nesta sexta-feira (28/8), em frente ao Palácio da Alvorada, que não dá mais para prorrogar o auxílio emergencial no valor de R$ 600 e que as próximas parcelas serão em uma quantia menor.

“A gente pretende, até o fim do ano, uma importância menor que R$ 600. Tem cara já reclamando. O tempo todo assim. Isso não é uma aposentadoria, isso é uma ajuda emergencial. Eu sei que é pouco para quem recebe, mas ajuda, pô, melhor do que nada”, disse ao simpatizante que o agradecia pelo benefício.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta.