Melo vai a Brasília tratar sobre a Nova Matriz Econômica e construção de 4 mil unidades habitacionais

A afirmação ocorreu nesta terça-feira (2) durante a solenidade de posse do novo desembargador do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM)- foto: Bruno Zanardo/Secom

Em viagem à capital federal nesta quarta-feira (3), o governador José Melo vai tratar junto, ao Governo Federal, acerca dos financiamentos que serão empregados para o desenvolvimento da Nova Matriz Econômica Ambiental e para a construção das novas unidades habitacionais. A afirmação ocorreu nesta terça-feira (2) durante a solenidade de posse do novo desembargador do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), Ernesto Anselmo Chíxaro, na sede do órgão.

“Estamos com a missão de desenvolver a Matriz Econômica Ambiental e para isso vou tratar sobre os financiamentos da CAIXA e do Banco do Brasil, que somam mais de R$ 600 milhões, para desenvolvermos ela (Nova Matriz), além de agilizar a liberação dos recursos para a construção das quatro mil unidades habitacionais, que já foi autorizado o recurso com o Ministério das Cidades. Esse meu compromisso vai trazer importantes benefícios para a nossa população”, garantiu o governador José Melo.

Os recursos contratados com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil serão empregados na duplicação da rodovia AM-010 (Manaus – Itacoatiara) até o município de Rio Preto da Eva, no asfaltamento de estradas e vicinais no interior, em infraestrutura da capital e no setor primário do interior.

A autorização para a construção de quatro mil unidades habitacionais populares no Estado foi feita em março deste ano, junto ao Ministério das Cidades. As obras vão contemplar mil unidades no município de Iranduba (a 29 quilômetros de Manaus) e as outras três mil serão construídas na capital. O projeto faz parte do programa do Governo Federal “Minha Casa, Minha Vida”.

Com informações da assessoria