Brasil

Menina de 10 anos foge de casa e relata a avó estupros cometidos pelo próprio pai

O pai é ex-presidiário e teria cumprido pena por ter cometido um homicídio.
Redação
Postado por Redação

Uma menina de 10 anos fugiu de casa nesta quinta-feira (15)  e conseguiu com a ajuda da avó denunciar à polícia o pai, suspeito de abusá-la sexualmente. De acordo com o delegado de Polícia Civil, Almir Alves, o fato aconteceu em Monte Alegre, no oeste do Pará, durante a madrugada na comunidade do Limão, zona rural do município. 

Segundo Almir Alves, a menina saiu de casa sem ninguém perceber e foi para a casa da avó, localizada na mesma comunidade. Ainda assustada a menina relatou à avó que o pai, um homem de 32 anos, a estuprava. Elas foram até a polícia e denunciaram o caso.

Uma guarnição da Polícia Militar seguiu para a casa da vítima e fez a prisão do suspeito. Na delegacia, ele negou que tenha praticado qualquer abuso com a filha. Porém, em depoimento, a criança relatou que era estuprada há algum tempo e chegou a contar como os crimes aconteciam.

A vítima morava com o pai, dois irmãos mais novos e a mãe, que também já prestou depoimento. O delegado informou que a menina foi encaminhada ao Hospital Municipal para exames sexológicos e depois ficará sob cuidados da avó.

Ainda de acordo com o delegado, as investigações continuarão para verificar se os irmãos da menina também foram abusados e se a mãe tinha conhecimento dos crimes. O Conselho Tutelar foi acionado para dar assistência e acompanhamento às crianças.

Conforme a polícia, o pai é ex-presidiário e teria cumprido pena por ter cometido um homicídio. O suspeito deve responder por estupro de vulnerável e aguarda que o caso seja comunicado à justiça para ser transferido para a Penitenciária Agrícola Sílvio Hall de Moura, em Santarém, quando houver vagas.

Denúncias

Almir Alves ressalta que é muito importante que a população seja parceira dos órgãos de segurança e assistência às crianças, adolescentes e pessoas vulneráveis e denunciem casos suspeitos de violência sexual.

Fonte: G1

Deixe um comentário