Mulher de embaixador grego confessa participação no crime

A mulher do embaixador da Grécia Kyriakos Amiridis confessou ter participado do assassinato do marido, nesta sexta-feira (30).

De acordo com a polícia, Françoise de Souza Oliveira seria a mandante do crime, enquanto o policial militar Sergio Gomes Moreira Filho, amante da suspeita, seria o executor. Os dois tiveram o pedido de prisão enviados à Justiça.

Outros dois cúmplices, Eduardo Tedeschi, amigo do PM, e um primo de Sérgio Moreira também foram indiciados.

A polícia acredita que Amiridis tenha sido morto a facadas/Foto: Divulgação

Como não houve tiros na residência do casal, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, a polícia acredita que Amiridis tenha sido morto a facadas.

Segundo os investigadores, tanto Françoise quanto o PM confessaram que os dois tinham um caso.

Fonte: NOTÍCIAS AO MINUTO