Mulher é presa após decepar órgão genital de adolescente

Foto: Divulgação

A Polícia Civil prendeu, na tarde deste domingo (9), uma mulher que decepou o órgão genital de um adolescente, em 2013. Tarciana Martins, de 46 anos, foi presa quando chegava para prestar concurso público da Companhia de Limpeza de Niterói. Ela foi julgada por crime de tortura e condenada a 7 anos de prisão em regime fechado.

Ela foi identificada como um dos participantes da sessão de tortura que culminou na amputação do órgão genital de um adolescente de 14 anos, em outubro de 2013, na Favela da Palmeira, em Niterói.

Segundo a polícia, Tarciana teria responsabilizado o adolescente por um estupro contra uma criança de 4 anos e pediu aos traficantes da comunidade para lidarem com o menino. O adolescente foi capturado e amarrado em um posto, onde foi espancado e, por fim, mutilado. Na época dos fatos a criança que teria sido estuprada pelo adolescente foi encaminhada a Exame de Corpo de Delito e a violência sexual não foi confirmada.

Tarciana foi presa pelos agentes da delegacia do Fonseca quando chegava na sala de aula para prestar o Concurso Público da CLIN, que aconteceu neste domingo em diversos pontos da cidade.

Ainda de acordo com a polícia, todos os criminosos envolvidos no crime á havia sido presos e ela era a única que permanecia foragida.

As informações são do O Dia