Mulher morre após ser atropelada por homem que empinava moto

Foto: Reprodução

A agente de segurança Karina Fernanda de Oliveira, 37 anos, morreu na quarta-feira (10) após ser atingida por uma motocicleta desgovernada em Mogi Guaçu, no interior de São Paulo. A vítima estava sentada em frente à residência dela quando um motoqueiro empinou o veículo e perdeu o controle. Karina foi prensada contra um poste. As informações são do Uol.

De acordo com testemunhas, o motociclista estava passando pelas ruas da região realizando várias manobras arriscadas, o que chamou atenção dos pedestres. Karina estava sentada no meio-fio da via e não teve tempo para levantar. Ela chegou a ser socorrida pelo Samu, mas não resistiu aos ferimentos.

Conforme o autônomo Helder Veiga, morador do bairro, após o acidente, o motociclista fugiu. “Acho que teve medo de ser linchado. Porque todo mundo ficou revoltado. A família ouviu o barulho e quando saiu. Muito triste isso. Espero que a polícia encontre ele”, afirmou Helder ao Uol.

Conforme a Polícia Civil, agentes foram até o local do acidente e já estão investigando o caso. Em nota ao Uol, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou que foram solicitados exames periciais ao IC (Instituto de Criminalística) e ao IML (Instituto Médico Legal) e que o caso foi registrado como homicídio culposo na direção de veículo.