Cidades

Mulher que estava cuidando da bebê de 5 meses dada como desaparecida, quer adotá-la

Ontem (26) a imprensa divulgou foto e informações da criança- foto: divulgação/PC
Redação
Postado por Redação

Rosilene da Costa Assunção, 32, era a mulher que estava cuidando da pequena Ana Beatriz Freitas Marques, de 5 meses, que foi dada como desaparecida desde o dia 22 de setembro deste ano, após representantes do Conselho Tutelar da Zona Sul, procurar a Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), comunicar o sumiço da criança nas proximidades da Orla da Manaus Moderna, Centro da cidade.

Ontem (26) a imprensa divulgou foto e informações da criança, e à noite, Rosilene ligou para a especializada informando que a criança estava sob os cuidados dela, em uma casa no Nova Vitória. Hoje pela manhã (27), policiais civis, sob o comando da delegada Juliana Tuma, titular da DEPCA, foram até o local.

Em depoimento na DEPCA, a mãe da criança disse que estava bêbada e que teria trocado a criança por uma dose de cachaça, versão que foi negada em seguida. Rosilene também negou que teria dado algo em troca da pequena Ana Beatriz.

Agora, ela vai entrar com uma ação para adotar a menina que abrigou com muito amor, carinho e atenção. Provisoriamente, a pequena será encaminhada para o Instituto Nascer, que tem uma equipe multidisciplinar que presta assistência à saúde materno-infantil. A mãe da criança vai responder por abandono.

Veja momento em que a equipe da DEPCA encontra a criança:

Deixe um comentário