‘Não deve nem ter onde morar’, diz homem ao humilhar entregador de comida negro

Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (7) começou a circular nas redes sociais um vídeo em que um entregador de comida, identificado como Matheus, é humilhado por um homem não identificado, morador de um condomínio de luxo em São Paulo.

O homem questionou quanto o motoboy ganhava por mês e supôs que ele não tenha onde morar.

”Seu lixo! Quanto deve ganhar por mês, hein? Dois mil reais? Não deve ter nem onde morar, moleque!”, disparou.

O entregador tentou se defender e disse que o homem não fazia ideia do quanto ele ganhava por semana com o seu emprego. Foi quando o homem apontou para as casas e disse que o rapaz sentia inveja daquilo

“Você tem inveja disso aqui. Moleque, escuta aqui, você tem inveja dessas famílias aqui! Você tem inveja disso aqui [aponta para a cor da pele]. Você nunca vai ter! Shhh! Você é semianalfabeto!” dispara o homem.

O entregador ainda questionou o homem se o que ele tinha foi fruto do pai ou porque ele trabalhou.

Assista ao vídeo:

 

Racismo no Brasil

No Brasil, o crime de racismo é inafiançável e imprescritível. A injúria racial está prevista no artigo 140, parágrafo 3º, do Código Penal, que estabelece a pena de reclusão de um a três anos e multa, além da pena correspondente à violência, para quem cometê-la.

Por Portal Manaus Alerta.