No AM, menina de 12 anos estuprada mais de 30 vezes, está grávida de 4 meses

foto: reprodução

A Polícia Civil do Amazonas investiga o caso de estupro de vulnerável de uma menina de 12 anos, que está grávida de 4 meses, no município de Nova Olinda do Norte. De acordo com denúncias direcionadas ao Conselho Tutelar e a Promotoria de Justiça da cidade, a criança teria engravidado do primo de 20 anos. As informações são do G1 Amazonas.

O caso veio a tona há aproximadamente uma semana, quando a garota se sentiu mal e foi até um hospital, onde foi levantada a suspeita de gravidez. O delegado Claudionor Medeiros, contou ao repórter Alexandre Hisayasu, da Rede Amazônica, contou que já solicitou o exame de gravidez do hospital para dar prosseguimento às investigações.

O delegado também informou que tanto a menina, quanto a mãe já foram ouvidas, e revelaram que o suspeito, inclusive estava morando junto com elas há aproximadamente um mês. A menina disse ainda que tinha um relacionamento com o rapaz desde os 10 anos de idade, e passou a ter relações sexuais com ele a partir dos 11 anos, já somando mais de 30 relações praticadas.

Emerson Auzier, o conselheiro tutelar do município, informou que já foi solicitado junto ao Juizado da Infância e da Juventude e Polícia Civil, o afastamento do rapaz do convívio familiar da mãe e da menina. Também foi solicitado acompanhamento psicológico da assistência social.

Portal Manaus Alerta