Novelas

O Outro Lado do Paraíso: Laura denuncia Vinicius: “Ele é pedófilo”

Laura (Bella Piero) de O Outro Lado do Paraíso (Divulgação/TV Globo)
Redação
Postado por Redação

Determinada a se vingar de Vinícius (Flávio Tolezzani), Clara (Bianca Bin) vai ficar contente quando Laura (Bella Piero) decidir fazer as sessões de hipnose com Adriana (Julia Dalavia) em O Outro Lado do Paraíso. “Eu resolvi fazer. Não posso continuar a decepcionar toda noite o homem que amo. Não posso continuar com esse medo dentro de mim”, diz a esposa de Rafael (Igor Angelkort).

Na primeira visita à advogada que aplica técnicas de coach, Laura expõe seu problema. “Eu casei e…não suporto sexo. Fico aterrorizada quando meu marido me toca. Expulsei ele da cama”, diz a garota, que explica que o marido é compreensivo, mas não suporta viver nessa situação. “Então, o seu objetivo aqui é descobrir por que fica aterrorizada diante do sexo, e se libertar. Vamos nos concentrar nesse objetivo”, sugere Adriana.

A advogada aplica as técnicas e Laura diz três momentos felizes da vida dela. Mas quando chega a hora de falar sobre os momentos difíceis, Laura faz algumas revelações intrigantes. “Eu… quando minha mãe casou com meu padrasto, o delegado Vinicius, foi o pior momento… Eu odeio esse homem. Odeio”, diz, sem conseguir explicar os verdadeiros motivos. Ao ir para casa, a garota terá o primeiro embate com o padrasto, resultando em uma briga feia. Diante da situação, Rafael vai sugerir que os dois se mudem para o antigo flat dele.

Mas as coisas tendem a se complicar mais ainda. Na segunda consulta com Adriana, Laura vai recordar alguns acontecimentos da infância. “Você se aproxima da porta… Toca a maçaneta, e você sabe, sabe que atrás dessa porta há algo que precisa saber para entrar em harmonia e…você abre a porta”. Laura vê uma menina brincando em um tanque com tartaruguinhas até perceber que a menina é ela mesma. Ela vira a cabeça assustada. “Não não não”, grita.

Depois da experiência, Laura vai querer desistir do tratamento, mas logo volta atrás e faz outra visita a Adriana. Desta vez, ela recordará que sofreu abuso do padastro na infância. “Clara…eu já sei, eu já sei”, diz. “Sabe, Laura? Sabe o quê?”, pergunta Clara. “Foi ele. Foi ele que me fez mal. Eu era só uma menina, Clara. Só uma menina. Foi ele, o Vinicius. Meu padrasto. E eu era só uma menina. Uma menina!”, diz Laura chorando. Clara então vai convencer a garota a denunciar o delegado.

Junto com Rafael, Clara e Patrick (Thiago Fragoso), Laura confronta Vinícius. “Eu vou contar tudo que fez comigo”, diz a garota, deixando o padrasto assustado. “Tudo que eu fiz com você…quando?”, disfarça. “Eu era só uma menina. Uma menina e brincava no tanquinho de tartarugas…Eu era só uma menina, mas cê me agarrou… quando eu brincava com as tartaruguinhas. Me molestou”, acusa. Vinícius faz cara de rogado, Lorena (Sandra Corveloni) se assusta. “Laura, que vergonha, o que você está dizendo?”, diz a mãe. “Ele é pedófilo”, dispara a garota. Diante da incredulidade da mãe, Laura conta detalhes do que viveu na infância. “Eu resgatei minha memória. Ele me agarrou, não uma, mas muitas vezes naquele lugar. Era no quintal. A faxineira ficava mais dentro da casa, ele provavelmente dizia que ia brincar comigo…ou ela não queria ouvir meus gritos…meu choro”, relata.

Vinicius continua negando que tenha sido capaz de fazer isso. Lorena irá quer acreditar na história, mas Laura promete denunciar. “Com todos os nervos do meu corpo que estou falando a verdade. Vou te denunciar, Vinicius. Aquela menina que tinha medo de você, cresceu. Agora tenho coragem. Vai pagar pelo que me fez”, promete.

Fonte: Observatório da Televisão

Comentários

Deixe um comentário