Operação apreende 15 adolescentes envolvidos em roubos a motoristas de app, em Manaus

Foto: SSP/AM

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio das equipes de investigação da Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), deflagrou, ao longo desta segunda e terça-feira (3 e 4/08), operação policial que resultou no cumprimento de 15 mandados de busca e apreensão, em razão de sentença condenatória, envolvendo adolescentes entre 15 e 16 anos, em Manaus. A ação ocorreu em bairros distintos da capital.

Para a delegada-geral, esta terça foi mais um dia exitoso para a Polícia Civil que, nesta semana, já deflagrou ações positivas. “Mais uma ação excelente. Hoje, apreendemos vários adolescentes que atuam, principalmente, em roubo a motoristas de aplicativo. Vamos continuar realizando nosso trabalho para combater o crime no nosso estado”, afirmou Emília.

Conforme a delegada Elizabeth de Paula, titular da Especializada, entre as ordens judiciais cumpridas estão os crimes de roubos a motoristas de aplicativos de transporte privado urbano e ônibus, tráfico de drogas, latrocínio tentado ocorrido no dia 10 de novembro de 2019, em um ônibus da linha 069, além de homicídio.

”Os cumprimentos de mandados de busca e apreensão estavam suspensos desde o início da pandemia em Manaus, porém, nesta segunda-feira, o Poder Judiciário liberou para cumprimento e imediatamente, conseguimos dar andamento às ordens judiciais”, comentou Elizabeth.

A ação ocorreu nos bairros Cidade Nova, Jorge Teixeira, Nova Cidade, Flores, Santo Antônio, Colônia Terra Nova, Redenção, Conjunto Campos Salles, Tarumã, Coroado, Colônia Antônio Aleixo, em zonas distintas de Manaus.

Procedimentos

Ao término dos trâmites cabíveis, dois adolescentes irão cumprir pena em regime de semiliberdade. Já os demais serão encaminhados para o Centro Socioeducativo Dagmar Feitosa e Centro Socioeducativo Senador Raimundo Parente, situados, respectivamente, no bairro Alvorada e Cidade Nova, zonas centro-oeste e norte da capital.

Por Portal Manaus Alerta.