Padrasto é preso suspeito de estuprar enteadas durante anos, no AM; uma está grávida

Foto: Reprodução/Internet

Policiais civis da 37ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Presidente Figueiredo (distante 107 quilômetros em linha reta da capital), sob o comando do delegado Valdinei Silva, titular da unidade policial, prendeu nesta segunda-feira (17/8), por volta das 7h, um homem de 45 anos, em cumprimento a mandado de prisão preventiva por estupro. O homem abusava sexualmente das enteadas, que atualmente estão com 16 e 19 anos, desde que as vítimas tinham oito anos de idade.

Conforme a autoridade policial, a investigação em torno do caso iniciou após a adolescente de 16 anos engravidar, e a mãe dela registrar um Boletim de Ocorrência (BO) por estupro, supostamente, realizado pelo namorado dela. Ainda segundo Silva, em seguida, as vítimas compareceram à delegacia, onde relataram que eram abusadas sexualmente pelo próprio padrasto, desde que tinham oito anos de idade.

“Com base nessas informações e nas investigações realizadas pela nossa equipe, constatamos a veracidade da denúncia. Sendo assim, solicitei à Justiça pelo mandado de prisão preventiva em nome dele. A ordem judicial foi expedida no último sábado (15/08), pelo juiz Roger Luiz Paz de Almeida, da Comarca de Presidente Figueiredo. E na manhã desta segunda, conseguimos localizar e prender o infrator no quilômetro 26, da rodovia estadual AM-240”, relatou Silva.

Procedimentos

O indivíduo foi indiciado por estupro e ao término dos procedimentos cabíveis, ele irá permanecer custodiado na carceragem da unidade policial à disposição da Justiça.

Com informações da assessoria